Segunda-feira, 28 de Abril de 2008

Carta no "Alentejo Popular"


Jornal "ALENTEJO POPULAR", 24 de Abril de 2008

UMA INICIATIVA EM OLIVENÇA

Recentemente foi criada, em Olivença, a “Além Guadiana”, associação
sem fins lucrativos que nasceu com o objectivo de fomentar a cultura
portuguesa em Olivença.

Em comunicado, a associação explica que a iniciativa partiu de um
conjunto de oliventinos consciente da grande riqueza do património da
sua terra. "A cidade das duas culturas, como habitualmente é definida
Olivença, constitui um exemplo único na península Ibérica pela sua
história (partilhada entre Portugal e Espanha) e um lugar onde
convivem e se mesclam com naturalidade elementos de ambas culturas",
refere a nota distribuída aos ocs.

O âmbito de actuação da associação são os concelhos de Olivença (que
inclui as aldeias de São Jorge da Lor, São Bento da Contenda, Vila
Real, São Domingos de Gusmão, São Rafael e São Francisco) e Táliga.
Portugueses até 1801, constituíram o último território a ser
incorporado em Espanha. Os dois séculos significaram uma contínua
contribuição cultural hispana sobre o substrato luso, dando lugar a
uma riquíssima cultura de síntese que aflora nas suas ruas e gentes.(...)

CARLOS LUNA Estremoz
Publicado por AG às 14:17
Ligação da entrada | Comentem | Vejam comentário(s) (1) | Adicionem aos favoritos
|  O que é? | Partilhári
Sexta-feira, 25 de Abril de 2008

Eles nã sabem nem sonham

Eles nã sabem nem sonham. Nós sabemos e sonhamos. Por isso cá estamos. Saúde!

António Gedeão "Pedra Filosofal" (música de Manuel Freire)

Eles não sabem que o sonho
é uma constante da vida
tão concreta e definida
como outra coisa qualquer,
como esta pedra cinzenta
em que me sento e descanso,
como este ribeiro manso,
em serenos sobressaltos
como estes pinheiros altos

que em verde e ouro se agitam
como estas aves que gritam
em bebedeiras de azul.

Eles não sabem que o sonho
é vinho, é espuma. é fermento,
bichinho alacre e sedento
de focinho pontiagudo,
que fossa através de tudo
num perpétuo movimento.

Eles não sabem que o sonho
é tela, é cor, é pincel,
base, fuste, capitel
arco em ogiva, vitral,
pináculo de catedral,
contraponto, sinfonia,
máscara grega, magia,
que é retorta de alquimista,
mapa do mundo distante,
rosa dos ventos, Infante,
caravela quinhentista,
que é Cabo da Boa Esperança,
ouro, canela, marfim,
florete de espadachim,
bastidor, passo de dança,
Colombina e Arlequim,
passarola voadora,
para-raios, locomotiva,
barco de proa festiva,
alto-forno, geradora,
cisão do átomo, radar,
ultra som televisão
desembarque em foguetão
na superfície lunar.

Eles não sabem, nem sonham,
que o sonho comanda a vida.
Que sempre que um homem sonha
o mundo pula e avança
como bola colorida
entre a mãos de uma criança.
Publicado por AG às 22:48
Ligação da entrada | Comentem | Adicionem aos favoritos
|  O que é? | Partilhári
Quinta-feira, 24 de Abril de 2008

34 anos do 25 de Abríli!

E já lá vão 34 anos!
Publicado por AG às 20:04
Ligação da entrada | Comentem | Adicionem aos favoritos
|  O que é? | Partilhári

Nos jornais "Linhas de Elvas" e "Ecos de Estremoz"

 

Jornal "LINHAS DE ELVAS", 24 de Abril de 2008
OLIVENÇA
ASSOCIAÇÃO PROMOVE A CULTURA PORTUGUESA
Recentemente foi criada, em Olivença, a “Além Guadiana”, associação
sem fins lucrativos que nasceu com o objectivo de fomentar a cultura
portuguesa em Olivença.

Em comunicado, a associação explica que a iniciativa partiu de um
conjunto de oliventinos consciente da grande riqueza do património da
sua terra. "A cidade das duas culturas, como habitualmente é definida
Olivença, constitui um exemplo único na península Ibérica pela sua
história (partilhada entre Portugal e Espanha) e um lugar onde
convivem e se mesclam com naturalidade elementos de ambas culturas",
refere a nota distribuída aos ocs.

O âmbito de actuação da associação são os concelhos de Olivença (que
inclui as aldeias de São Jorge da Lor, São Bento da Contenda, Vila
Real, São Domingos de Gusmão, São Rafael e São Francisco) e Táliga.
Portugueses até 1801, constituíram o último território a ser
incorporado em Espanha. Os dois séculos significaram uma contínua
contribuição cultural hispana sobre o substrato luso, dando lugar a
uma riquíssima cultura de síntese que aflora nas suas ruas e gentes.

Além Guadiana considera, todavia, que muitos componentes da cultura
portuguesa se estão a perder, como no caso da língua, maioritária até
os anos cinquenta e hoje em risco de desaparecer. Segundo os sócios, a
cultura portuguesa em Olivença constitui um tesoiro que urge conservar.
A denominação Além Guadiana expressa um olhar mútuo dos dois lados do
rio, com a cultura como nexo comum. A associação criou um espaço
virtual no endereço seguinte: http://alemguadiana.blogs.sapo.pt

Jornal "ECOS DE ESTREMOZ", 24 de Abril de 2008

(fotografia do lado esquerdo da Igreja de Santa Maria do Castelo de 
Olivença, com a
legenda "Cidade das duas Culturas tem nova associação")

“ALÉM GUADIANA” QUER PROMOVER A CULTURA PORTUGUESA EM OLIVENÇA

  CULTURA: Recentemente foi criada, em Olivença, a “Além Guadiana”, associação
sem fins lucrativos que nasceu com o objectivo de fomentar a cultura
portuguesa em Olivença.

Em comunicado, a associação explica que a iniciativa partiu de um
conjunto de oliventinos consciente da grande riqueza do património da
sua terra. "A cidade das duas culturas, como habitualmente é definida
Olivença, constitui um exemplo único na península Ibérica pela sua
história (partilhada entre Portugal e Espanha) e um lugar onde
convivem e se mesclam com naturalidade elementos de ambas culturas",
refere a nota distribuída aos ocs.

O âmbito de actuação da associação são os concelhos de Olivença (que
inclui as aldeias de São Jorge da Lor, São Bento da Contenda, Vila
Real, São Domingos de Gusmão, São Rafael e São Francisco) e Táliga.
Portugueses até 1801, constituíram o último território a ser
incorporado em Espanha. Os dois séculos significaram uma contínua
contribuição cultural hispana sobre o substrato luso, dando lugar a
uma riquíssima cultura de síntese que aflora nas suas ruas e gentes.

Além Guadiana considera, todavia, que muitos componentes da cultura
portuguesa se estão a perder, como no caso da língua, maioritária até
os anos cinquenta e hoje em risco de desaparecer. Segundo os sócios, a
cultura portuguesa em Olivença constitui um tesoiro que urge conservar.
A denominação Além Guadiana expressa um olhar mútuo dos dois lados do
rio, com a cultura como nexo comum. A associação criou um espaço
virtual no endereço seguinte: http://alemguadiana.blogs.sapo.pt

Fonte: Carlos Luna.
Publicado por AG às 18:31
Ligação da entrada | Comentem | Adicionem aos favoritos
|  O que é? | Partilhári
Quarta-feira, 23 de Abril de 2008

Na RNE e na OCR Extremadura


O presidente já falou na Radio Nacional de España, e o secretário vai estar na Onda Cero Radio Extremadura. Podemos ouvi-lo pora internéti (AMANHÃ ÀS 15.30 h).

Publicado por AG às 13:43
Ligação da entrada | Comentem | Adicionem aos favoritos
|  O que é? | Partilhári

Saímos no "Diário do Súl" e na Rádio Elvas

Saímos no Diário do Súli:




Jornal DIÁRIO DO SUL (o único jornal diário do Alentejo e do sul de Portugal em geral),
23 de Abril de 2008 (NÃO EXISTE EDIÇÃO DIGITAL)

“ALÉM GUADIANA” QUER PROMOVER A CULTURA PORTUGUESA EM OLIVENÇA

Recentemente foi criada, em Olivença, a “Além Guadiana”, associação
sem fins lucrativos que nasceu com o objectivo de fomentar a cultura
portuguesa em Olivença.

Em comunicado, a associação explica que a iniciativa partiu de um
conjunto de oliventinos consciente da grande riqueza do património da
sua terra. "A cidade das duas culturas, como habitualmente é definida
Olivença, constitui um exemplo único na península Ibérica pela sua
história (partilhada entre Portugal e Espanha) e um lugar onde
convivem e se mesclam com naturalidade elementos de ambas culturas",
refere a nota distribuída aos ocs.

O âmbito de actuação da associação são os concelhos de Olivença (que
inclui as aldeias de São Jorge da Lor, São Bento da Contenda, Vila
Real, São Domingos de Gusmão, São Rafael e São Francisco) e Táliga.
Portugueses até 1801, constituíram o último território a ser
incorporado em Espanha. Os dois séculos significaram uma contínua
contribuição cultural hispana sobre o substrato luso, dando lugar a
uma riquíssima cultura de síntese que aflora nas suas ruas e gentes.

Além Guadiana considera, todavia, que muitos componentes da cultura
portuguesa se estão a perder, como no caso da língua, maioritária até
os anos cinquenta e hoje em risco de desaparecer. Segundo os sócios, a
cultura portuguesa em Olivença constitui um tesoiro que urge conservar.
A denominação Além Guadiana expressa um olhar mútuo dos dois lados do
rio, com a cultura como nexo comum. A associação criou um espaço
virtual no endereço seguinte: http://alemguadiana.blogs.sapo.pt

Fonte: Carlos Luna.



Nasce a "Além Guadiana”

A vila de Olivença, em Espanha, tem uma nova associação.

"Além Guadiana”, uma colectividade sem fins lucrativos, nasceu com o objectivo de desenvolver a cultura portuguesa naquela localidade com raízes portuguesas.

Esta associação abarca os concelhos de Táliga e Olivença, na qual estão incluídas as aldeias de São Jorge da Lor, São Bento da Contenda, Vila Real, São Domingos de Gusmão, São Rafael e São Francisco.

O blogue desta associação é www.alemguadiana.blogs.sapo.pt

[20:24] 22/04/2008

Publicado por AG às 13:10
Ligação da entrada | Comentem | Adicionem aos favoritos
|  O que é? | Partilhári
Segunda-feira, 21 de Abril de 2008

Entrevista ao nosso secretário no Canal Extremadura Radio

Podemos ouvíri mais uma entrevista: agora ao nosso secretário (a partir do minuto 22 e benté o minuto 30): http://radio.canalextremadura.es/radio-a-la-carta/audios/pueblos-21-abril
Image:Canal extremadura.jpg
Publicado por AG às 19:52
Ligação da entrada | Comentem | Vejam comentário(s) (1) | Adicionem aos favoritos
|  O que é? | Partilhári

Também saímos na televisã

http://tv.canalextremadura.es/tv-a-la-carta/videos/extremadura2030-20-de-abril (minutos: do 23 ao 25)

Publicado por AG às 13:59
Ligação da entrada | Comentem | Adicionem aos favoritos
|  O que é? | Partilhári

Entrevista ao nosso presidente na Punto Radio Montijo

Podem ouvir a entrevista fêta ao nosso presidente na Punto Radio Montijo:  http://www.puntoradiomontijo.com/index.php?option=com_content&task=view&id=32&Itemid=34

Publicado por AG às 13:39
Ligação da entrada | Comentem | Adicionem aos favoritos
|  O que é? | Partilhári
Sábado, 19 de Abril de 2008

Sair na imprensa é existíri


OLIVENZA

 
La asociación Além Guadiana nace con el objetivo de potenciar la cultura portuguesa
 
19.04.08 -
 
Recientemente se ha creado en Olivenza 'Além Guadiana', asociación sin ánimo de lucro que nace con el objetivo de fomentar la cultura portuguesa en Olivenza. La denominación Além Guadiana (más allá del Guadiana), expresa una mirada mutua a uno y otro lado del río, con la cultura como nexo común. La iniciativa ha partido de un colectivo de oliventinos, consciente de la gran riqueza que atesora su patrimonio. La ciudad de las dos culturas, como habitualmente se define a Olivenza, constituye un ejemplo único en la península por su historia compartida entre España y Portugal, y un lugar donde conviven y se entremezclan con naturalidad elementos de ambas culturas. Las principales actividades de Além Guadiana son: contribuir a la promoción de la lengua portuguesa en Olivenza, realizar acciones de sensibilización, valorizar la cultura portuguesa y fomentar el intercambio cultural con Portugal y otros países de la lusofonía. El ámbito de actuación de la asociación son los municipios de Olivenza (que incluye las aldeas de San Jorge de Alor, San Benito de la Contienda, Villarreal, Santo Domingo de Guzmán, San Rafael y San Francisco) y Táliga.

La asociación ha creado un espacio virtual en la siguiente dirección: http://alemguadiana.blogs.sapo.pt/

Palavras-chave: ,
Publicado por AG às 09:36
Ligação da entrada | Comentem | Vejam comentário(s) (1) | Adicionem aos favoritos
|  O que é? | Partilhári

.Hora solar de Olivença

.Procurem neste blógui

 

.Que horas são?

Hora oficial:

.Contadôri


contador de visitas

.Entradas recentes

. "Ruas e aldeias de Oliven...

. Ruas bilingues em Táliga?

. Nacionalidades também em ...

. Mirandês na escola (2017)

. Olivença e a Raia na TVE ...

. Limpeza da ermida de Noss...

. Língua quíchua, mais ensi...

. O asturiano em 2017

. Pastor (Ánchel Lois Salud...

. Português cristang ou cri...

.Arquivos

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.Palavras-chave

. todas as tags

.Ligações

.Dicionário galego-português

Pesquisa no e-Estraviz

.Outubro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
blogs SAPO

.Participem

. Participem neste blógui

.Contadôri

.subscrever feeds