Quinta-feira, 15 de Agosto de 2013

Morreu o crioulo português de Cochim! Em breve será o oliventino a morrer

Morreu o Crioulo Português de Cochim

Colocado por em Set 26th, 2010 na(s) categoria(s) Fotos, Língua, Videos. Pode seguir todos os comentários a este texto através de RSS 2.0. Pode comentar ou fazer trackback deste texto

 

Poucas pessoas sabem da morte recente de uma língua em Cochim: Crioulo Português de Cochim. O pesquisador Dr. Hugo Canelas Cardoso lamenta a morte deste idioma.

 

Tal como as pessoas, as línguas também morrem. Com a morte de William Rosário no passado mês de Agosto em Vypeen, morreu também o Crioulo Português de Cochim. Rosário foi o último orador fluente desta língua, resultado do contacto entre Malayalam, Português e, provavelmente, um grande número de línguas faladas pelas diferentes comunidades em Cochim antigo, que era uma mistura de muitas culturas e muitas línguas.

a_portugues3.jpg As línguas minoritárias estão a extinguir-se a uma taxa alarmante. Os linguistas acreditam que uma língua indígena desaparece a cada duas semanas.

 

Sentimo-nos: morrer
Música: fúnebre
Publicado por AG às 15:22
Ligação da entrada | Comentem | Adicionem aos favoritos
|  O que é? | Partilhári
Terça-feira, 13 de Agosto de 2013

Conversa: 15.VIII.2013 (20.00 h.)

Na próxima quinta-feira 15 de agosto, como é hábito, no bar Carrapiço e pelas 20 horas espanholas, celebrar-se-á o encontro de oliventinos para falar português. A seguinte e última cita do mês de agosto será na quinta 29, no mesmo lugar à mesma hora.

http://www.hoyolivenza.es/archivos/201302/dscn5513-300xXx80.jpg

Sentimo-nos: faladores
Música: falada
Publicado por AG às 12:20
Ligação da entrada | Comentem | Adicionem aos favoritos
|  O que é? | Partilhári
Quarta-feira, 7 de Agosto de 2013

Desaparece o português da escola oliventina?

Portugal abandona Olivença mais uma vez?

http://thumbs.sapo.pt/?pic=http://c4.quickcachr.fotos.sapo.pt/i/ua41118a7/14081118_Ih9zb.jpeg&W=325&H=205&errorpic=http://c4.quickcachr.fotos.sapo.pt/i/ua41118a7/14081118_Ih9zb.jpeg

 

Lemos:

 

O FIM DO ENSINO DE PORTUGUÊS EM OLIVENÇA?

 

Sentimo-nos: portugueses abandonados
Música: triste
Publicado por AG às 08:39
Ligação da entrada | Comentem | Vejam comentário(s) (1) | Adicionem aos favoritos
|  O que é? | Partilhári
Domingo, 4 de Agosto de 2013

Português oliventino, vivo no Alentejo (em 2013)

Hoje, no Alentejo, ouve-se o português alentejano (coisa lógica). Mas acontece que podemos verificar formas e modos do português alentejano oliventino (que está a desaparecer) em locais como Campo Maior, Elvas, etc. No Alentejo.

Ó Elvas ó Elvas (Paco Bandeira), numa atuação em Campo Maior para a RTP.

Por exemplo, a palavra leque (que vem do chinês), que no Alentejo e em Olivença é lecre ou lêcri, a expressão moderna "estar desapartado" ('estar separado'), abalar, abalare, ou abalári ('ir embora'), etc.

 

Eu nasci no Alentejo,
À beira do Guadiana.
Sinto orgulho quando vejo
A paisagem alentejana!

Sentimo-nos: alentejanos
Música: alentejana
Publicado por AG às 10:51
Ligação da entrada | Comentem | Vejam comentário(s) (1) | Adicionem aos favoritos
|  O que é? | Partilhári

.Hora solar de Olivença

.Procurem neste blógui

 

.Que horas são?

Hora oficial:

.Contadôri


contador de visitas

.Entradas recentes

. Mais ruas bilingues em 20...

. Olivença através dos livr...

. Valenciano de Múrcia (201...

. 600 oliventinos portugues...

. Língua asturiana no ensin...

. Catalão e aragonês em Ara...

. Olivença na RTP ("Linha d...

. Cristina Branco

. Prémio "Mais Alentejo" 20...

. Defesa das portas (setemb...

.Arquivos

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.Palavras-chave

. todas as tags

.Ligações

.Dicionário galego-português

Pesquisa no e-Estraviz

.Abril 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
blogs SAPO

.Participem

. Participem neste blógui

.Contadôri

.subscrever feeds