Sexta-feira, 20 de Dezembro de 2013

Feliz Natal e Ano Novo MMXIV (2014)!

FELIZ NATAL E PRÓSPERO ANO NOVO (2014)!

Sentimo-nos: abraçados
Música: nova
Publicado por AG às 21:20
Ligação da entrada | Comentem | Vejam comentário(s) (5) | Adicionem aos favoritos
|  O que é? | Partilhári

O português alentejano oliventino na iberolingua.com

http://www.iberolingua.com/pagines/pais_plurilingue/PP_pt_olivenca.htm

 

La llengua gallega i portuguesa

Les varietats geogràfiques galaicoportugueses

El portugués oliventí

 

Se sol anomenar portugués oliventí, al portugués característic de la vila d'Olivença i les pedanies del seu camp. Es tracta d'un portugués que presenta una sèrie de peculiaritats lingüístiques molt semblants als de la varietat alentejana: l'absència del diftong ei (inclús quan va seguit d'una altra vocal), que es pronuncia [e]; i la paragoge en paraules acabades en –l o -r, quan la síl·laba és tònica i seguida de pausa o d'una altra síl·laba tònica, [portu'gali] Portugal, São Jorge da ['lori] (Lor), [Ru'rali] rural, ['bila-Re'ali] Vila Real, [Retangu'lari] retangular, [ko'meri] comer, [ehpa'ɲoli] espanhol,... però que no es produïx quan no es donen estos casos [ko'meḥ-de'pojh] comer depois...; però a banda, presenta un superstrat del castellà estremeny i de l'espanyol estàndard, que el caracteritzen front a la resta dels parlars alentejans.

 

Sentimo-nos: iberolingues
Música: iberolinguística
Publicado por AG às 19:27
Ligação da entrada | Comentem | Adicionem aos favoritos
|  O que é? | Partilhári
Terça-feira, 10 de Dezembro de 2013

José Álvarez Junco: "uma vila portuguesa..." (em "El País Semanal")

O historiador José Álvarez Junco foi entrevistado por Juan Cruz na revista El País Semanal do domingo 5.XII.2013. Aí é mencionada Olivença:

 

José Álvarez Junco http://constituyentes.org/wp-content/uploads/2013/04/Alvarez-Junco.jpeg

Juan Cruz http://ep01.epimg.net/tag/includes/imagenes/F0/juan_cruz_a.png


Él [=o pai de J. Álvarez Junco] era un extremeño de Badajoz, sin ninguna experiencia internacional, aunque había nacido en Olivenza, "un pueblo portugués que había sido arrebatado a Portugal en una guerra del siglo XIX y que sigue siendo territorio irredento para los nacionalistas portugueses. [...]

 

As aspas não aparecem mais nesse parágrafo. Portanto, não sabemos exatamente onde acabam as palavras de Álvarez e onde começam outra vez as de Cruz. Mas é surpreendente que neste jornal apareça essa afirmação de "vila portuguesa arrebatada [...]". Álvarez Junco nasceu em

 

Sentimo-nos: arrebatados?
Música: arrebatada
Publicado por AG às 05:02
Ligação da entrada | Comentem | Vejam comentário(s) (3) | Adicionem aos favoritos
|  O que é? | Partilhári
Terça-feira, 3 de Dezembro de 2013

Conversas em português de dezembro de 2013

http://2.bp.blogspot.com/_fbOuFvY_D7s/TMbFq-ycziI/AAAAAAAADfc/HXiFgJv4sYQ/s1600/falar-portugues.jpg

DIAS 5.XII.2013 E 19.XII.2013 (QUINTAS-FEIRAS),

ÀS 19 HORAS ESPANHOLAS,

Sentimo-nos: conversadores
Música: conversativa
Publicado por AG às 18:46
Ligação da entrada | Comentem | Vejam comentário(s) (3) | Adicionem aos favoritos
|  O que é? | Partilhári

.Hora solar de Olivença

.Procurem neste blógui

 

.Que horas são?

Hora oficial:

.Contadôri


contador de visitas

.Entradas recentes

. Mais ruas bilingues em 20...

. Olivença através dos livr...

. Valenciano de Múrcia (201...

. 600 oliventinos portugues...

. Língua asturiana no ensin...

. Catalão e aragonês em Ara...

. Olivença na RTP ("Linha d...

. Cristina Branco

. Prémio "Mais Alentejo" 20...

. Defesa das portas (setemb...

.Arquivos

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.Palavras-chave

. todas as tags

.Ligações

.Dicionário galego-português

Pesquisa no e-Estraviz

.Abril 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
blogs SAPO

.Participem

. Participem neste blógui

.Contadôri

.subscrever feeds